17.6.14

Sobre as férias

Ontem à noite Eleanor & Park me fizeram deixar de lado o sono até 1 da manhã. Há tempos eu não tinha me sentido presa por um livro assim, talvez porque há tempos eu não lia algo por puro entretenimento. Finalmente a maior parte das obrigações e meus dias doentes já passaram e eu tenho muito tempo pra respirar. Ou sufocar.
Não me entendam mal, eu amo férias. Mas agora eu tenho duas décadas pesando sobre mim e muita pressa de viver. Semanas ficaram com cara de meses e meses ficaram com cara de semanas.
Antes, quando eu não sabia da volatilidade do tempo, eu só queria procrastinar e não fazer nada. Continua sendo muito bom passar tardes inteiras nos meus pijamas e só me preocupar com a falta de filmes novos pra ver. Só que cresceu em mim essa falta de realizar alguma coisa todo dia. De ver gente, de aprender, de criar, de realmente aproveitar todo o tempo que eu tenho.
E essa é a hora de aproveitar e recuperar o perdido. Tem sido difícil encontrar formas de manter minha mente ocupada fora dos livros e da internet. Mas procuro fazer por onde aqui e alí. Já fico extasiada ao conseguir escrever um pequeno texto. Acreditem, isso já transforma um dia improdutivo. E no momento eu também não posso dispensar distrações.
Fora isso, eu devia aproveitar ao máximo essa fase de satisfação acadêmica e o ócio enquanto eu posso. Como eu disse, o tempo passa voando e um dia eu vou querer que ele volte.

3 comentários :

  1. Hey, Samy!
    Eu te entendo bem. Estou de greve, a minha universidade (UNESP), está em greve junto com a USP e a UNICAMP. E nossa, eu descobri que eu também não consigo não fazer nada o dia todo mais. Preciso fazer, pelo menos, alguma coisa produtiva, se não sinto que o meu dia foi "perdido". Mas ah, vamos aproveitar esse tempinho que é nosso, para cuidar da gente, pensar um pouco, assistir séries, relaxar! Porque quando as aulas voltarem, tudo o que iremos desejar será tempo, tempo para procrastinar! Haha.

    Um beijo, linda!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Samy! Imagina, eu que agradeço por você sempre deixar uma marquinha lá, significa muito. :3
    Começa a ver Sons of Anarchy sim, você não se arrependerá. Me conta depois o que achou!

    E ah, linda é você!
    Um beijo e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  3. Adoro férias, mas confesso que esse ponto da "falta de fazer coisas produtivas" sempre chega. Sempre que leio um livro ou escrevo um texto, também já sinto que meu dia foi proveitoso de alguma forma. Mas é isso, tem que aproveitar, porque quando as aulas e a loucura voltarem, tenho certeza que esses dias de ócio farão uma certa falta.
    beijos.

    lugaaraosol.blogspot.com.br

    ResponderExcluir